Controle de Acesso Facial

O Controle de  Acesso Facial em academias sempre foi um assunto muito delicado de ser tratado e de difícil controle, pois as tecnologias utilizadas são passíveis de fraudes, deixando o proprietário da academia muitas vezes inseguro, vamos analisar alguns métodos utilizados para controle de acesso:
Controle de acesso por senha:
O Aluno tem uma senha pessoal utilizada para digitar na catraca e liberar o acesso, porem a senha pode ser emprestada para familiares e amigos, e assim muitas pessoas treinariam na academia com o acesso de apenas um aluno pagante, o proprietário deve contar com a boa vontade de seus funcionários em ficar conferindo o rosto da pessoa com o cadastro do sistema.
Controle de acesso por carteirinha:
Problema similar ao da senha, o aluno poderia emprestar a carteirinha para amigos e familiares, e assim muitas pessoas treinariam na academia com o acesso de apenas um aluno pagante.
Controle de acesso por biometria:
Essa tecnologia considerada a solução dos problemas de fraude no controle de acesso, frustou muitos proprietários de academia, a biometria geralmente não reconhece digitais de idosos e de pessoas que usam produtos químicos com frequência, até um simples detergente pode danificar a digital de uma pessoas, além de um problema de higiene, onde muitas pessoas colocam o dedo no mesmo leitor que contribuir com a proliferação de vírus e bactérias.
p_controle-de-acesso-biometrico-para-elevadores-9
Prático, pois para que funcione basta apenas a utilização de webcam convencional, não necessita de equipamentos caros e específicos, muitas vezes a academia já possui tudo que é necessário para implantar esse sistema.
Eficiente, pois assim que o software processa as informações faciais e compara com um banco de dados, por intermédio da câmera, o rosto é codificado em uma sequência digital capaz de avaliar e reconhecer características específicas de cada face em menos de 1 segundo.
Proporcionando um ótimo controle no acesso de clientes e funcionários às áreas restritas, dentre outros benefícios.
 
OS CARTÕES DE EMBARQUE SERÃO HISTÓRIA: BASTARÁ O RECONHECIMENTO FACIAL
Trata-se de uma sequência bem conhecida da maioria dos viajantes: depois de superar o minucioso controle de segurança, é preciso fazer uma nova parada no portão de embarque para apresentar outra vez o cartão de embarque e um documento de identidade. Muito tempo se perde nesse processo já que nem todo mundo tem a documentação requerida à mão e, por outro lado, os funcionários da companhia aérea devem verificar, uma a uma, a identidade dos viajantes. Trata-se de um problema para todos: para os passageiros é uma perda de tempo…
INFOCHPDPICT000059954012

Mas como funciona o Reconhecimento Facial?

O Reconhecimento Facial ou Biometria Facial é constituído por uma série de softwares e logaritmos que mapeiam os padrões que existem nos rostos de todas as pessoas, e a partir de informações previamente recolhidas pelo sistema, conseguem distinguir um rosto do outro.
De forma simples, o Reconhecimento Facial funciona como um quebra-cabeça que recolhe as peças (banco de dados) para completar a figura (seu rosto).
5699093721281935
No caso do Reconhecimento Facial para controle de acessos, toda vez que alguém precisar ser verificado o sistema procurará pelas peças, e se não encontrar, significa que aquela figura não está registrada e, portanto, não possui permissão para acessar o local.